5/23/2010

Percepções do agora

Com argumentações nem sempre elucubradas, tenho exposto de forma veemente minhas posições. Muitas vezes erradas, não sei, eivadas de posições egocêntricas. Outras, dentro da minha lógica, com pontualidades vividas. São certezas inconstantes metamorfoseadas pelo tempo.

No emaranhado individualizante, tenho perdido forças e me distanciado das certezas do agora. Largo este momento e entro noutro universo, onde jaz o silêncio. Viro um suspeito de mim mesmo para acomodar um novo instante. Os resultados são imprevisíveis, contudo, vivenciar-los-ei.
Foto.

4 comentários:

*A Menina dos Olhos* disse...

Obrigada pela visita!!
Volte sempre que quiser...
Gostei do que vi aqui e certamente sempre voltarei!!!

Paulo Tamburro disse...

ALBERTO MARQUES,

não conhecia o seu blog e encantei-me com a correção dos textos aqui expostos.

Neste,"Percepções do agora" você me fez lembra o famoso dramartugo Oscar Wilde, quando você diz que:

"Largo este momento e entro noutro universo, onde jaz o silêncio".

É exatamente, sobre a necessidade de entendermos o silêncio que Oscar Wilde uma vez o definiu, para si próprio e os outros de uma maneirra definifiva, desbafando:

-" Se você não consegue entender o meu silêncio de nada irá adiantar as palavras, pois é no silêncio das minhas palavras que estão todos os meus maiores sentimentos".

Na realidade, este seu refugio no siêncio é forma mais salutar de transgredir com as imposições estressantes dos momentos mais críticos e mórbibos existenciais.

É ainda, a melhor fórmula e mais coerente, afinal para quer ficar batendo boca com os impropérios que a vida nos reserva e sem nunhuma delicadeza os profere na nossa cara, como se no melhor estilo Nelson Rodriguiano quizesse, cuspir na nossa integridade enquanto pessoa?

Os outros sempre esperam uma nossoa reação, mais aqui dou a vez a Jean Paul-Sartre que afirmava que :

"Nossos infernos são os outros".

Texto curto, objetivo, mais que se trabalhado daria um livro.

Alberto, eu vivo silenciando-me nas crônicas de humor, e no meu blog HUMOR EM TEXTO, vou brincado de dizer as verdades.

Caso queira honrar-me com sua presença, como se diz aqui no Rio, ficarei mais feliz do que pinto no lixo.

Um abração carioca e voltarei sempre.

Ps.Estou indicando seu blog para os meus alunos univesitários.

Elaine Crespo disse...

Alberto!

Texto forte mais com suas verdades contidas e expostas !
Muito bonita a forma como se expressou! Adoro textos assim que deixam marcas e paramos para pensar!

Parabéns pelo blog e postagem!

Sim, obrigada pela visita no 'Alma Triste'

Uma linda tarde
Elaine

Ela disse...

eu adoro o que me distância das certeza, pois me faz crescer e madurecer como pessoa humana!